Japão não reconhece o bitcoin como moeda

O ministro de Finanças do Japão, Taro Aso, disse que ainda irá determinar exatamente o que aconteceu com a plataforma de negociação de bitcoins Mt. Gox. "Nós ainda não sabemos se alguém roubou a moeda ou se o operador apenas fugiu com ela", disse o ministro, em coletiva de imprensa.

AE, Agencia Estado

28 de fevereiro de 2014 | 03h37

Aso também disse que o governo do Japão não reconhece o bitcoin como uma moeda e, portanto, ele não está sujeito à supervisão direta do Ministério de Finanças.

Mesmo assim, Aso disse que o fato de o problema ter acontecido no Japão deve ser levado a sério. "Algo terá que ser feito sobre isso no Japão", afirmou, adicionando que as agências estão trabalhando em conjunto para obter uma resposta. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Japãobitcoin

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.