Japão: pesquisa mostra empresariado menos otimista

Os administradores das maiores empresas japonesas estão menos otimistas em relação às condições para os negócios em dezembro do que estavam três meses atrás, mostrou a pesquisa Tankan, do banco central do Japão (BoJ). A pesquisa trimestral de sentimento das empresas revelou que o índice de difusão para as maiores empresas de manufatura piorou para 19 em dezembro, de 23 no trimestre até setembro. Economistas ouvidos pela Dow Jones esperavam que o índice subisse para 21.O sentimento entre as empresas fora do setor de manufatura também se deteriorou para 16 em dezembro, de 20 em setembro. Também pior do que o previsto pelos economistas, que estimavam o índice em 18. A pesquisa revelou ainda que as maiores empresas de manufatura e fora do segmento pretendem elevar seus investimento em 10,5%, juntas, no ano fiscal que começou em abril. O aumento é superior à previsão de 8,7% feita pelas empresas no trimestre até setembro. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.