Japão pode elevar orçamento de projetos de crescimento

O governo do Japão está estudando aumentar o orçamento do ano fiscal de 2012 para projetos que visam impulsionar o crescimento econômico e a geração de emprego. O valor destinado para esses projetos pode ser elevado para mais de 1 trilhão de ienes (US$ 12,99 bilhões), dos 700 bilhões de ienes previstos em setembro, informou o jornal Nikkei.

ÁLVARO CAMPOS, Agencia Estado

19 de novembro de 2011 | 17h21

Os ministérios e as agências governamentais solicitaram 1,9 trilhão de ienes para os referidos projetos - ou seja, se a administração mantiver os 700 bilhões de ienes previstos inicialmente, terá de promover enormes cortes de gastos.

O governista Partido Democrático do Japão é contra grandes cortes nos projetos de obras públicas do Ministério de Terras, Infraestrutura e Transporte, que totalizam 663,8 bilhões de ienes. Já o Ministério de Finanças está hesitante em cortar os gastos previstos pela Defesa com combustíveis e manutenção, pois considera essas despesas necessárias.

Como o governo quer evitar financiar essas necessidades orçamentárias por meio da emissão de bônus, a administração estaria estudando recorrer ao fundo de 960 bilhões de ienes que planejava destinar para projetos que visam lidar com contingências econômicas e a revitalização da economias regionais. As informações são da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.