R$ 1,57 bi

E-Investidor: Tesouro Direto atrai mais jovens e bate recorde de captação

Japão revisa PIB para retração de 12,1% no 4º trimestre

A economia do Japão desacelerou no último trimestre do ano passado um pouco menos do que o inicialmente relatado, mas ainda a um ritmo anual de dois dígitos. O Produto Interno Bruto (PIB) do país caiu 3,2% no período entre outubro e dezembro de 2008, ajustado aos preços, e 12,1% em termos anualizados, segundo o Escritório do Gabinete japonês. As leituras preliminares divulgadas no mês passado haviam indicado contrações de 3,3%, no trimestre, e de 12,7%, em bases anualizadas. A revisão foi feita principalmente por causa da elevação dos estoques, considerada pelos analistas como um fator negativo. Na nova leitura, os estoques contribuíram com 0,5 ponto porcentual ao crescimento, em comparação com 0,4 ponto porcentual do relatório preliminar.De acordo com um comunicado do governo, este ainda não é um sinal muito encorajador para a segunda maior economia do mundo. "A revisão em alta do PIB é resultado do aumento indesejado dos estoques", disse o comunicado. "No geral, não podemos considerar esta revisão como positiva."O governo afirmou ainda que a queda anualizada de 12,1% é o pior desempenho da economia japonesa desde o primeiro trimestre de 1974, quando a crise do petróleo fez subir a inflação e afetou a demanda.No último trimestre de 2008, os investimentos de capital foram revisadas para baixo, para uma queda de 5,4%, ante o recuo de 5,3% anunciado anteriormente. O consumo do setor privado, que representa cerca de 55% do PIB, foi mantido em relação aos números preliminares, mostrando um declínio de 0,4% no trimestre. As Informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.