Japão, Taiwan e Coréia fecham em alta

A bolsa de Tóquio encerrou hoje seus negócios em alta de 2,09%. Os investidores ficaram animados com o plano do Banco do Japão de comprar ações dos bancos. Mas o discurso do primeiro-ministro Junichiro Koizumi conteve um pouco o ânimo do mercado, pois não deixou claro os planos para combater a deflação. Em Taiwan, a bolsa fechou em alta de 0,19%, em fraca recuperação depois das quedas recentes. Seul teve valorização modesta (+0,04%), com poucos negócios. A preferência nesta quinta-feira recaiu sobre o mercado futuro. O mercado filipino caiu 0,37%. Os investidores ficaram pessimistas em decorrência da divulgação do déficit do orçamento do governo, pouco antes do fechamento dos negócios. No intervalo dos negócios, as demais bolsas do sudeste asiático registravam: Hong Kong: -0,14%; Indonésia: -1,48%; Malásia: -0,77%; Tailândia: -0,09% e Cingapura: -0,47%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.