Jobim defende ampliação de capital externo na aviação

O ministro da Defesa, Nelson Jobim, afirmou hoje que também defende a ampliação da participação do capital estrangeiro nas companhias aéreas de 20% para 49%. Por intermédio de sua assessoria de imprensa, o ministro ressaltou, no entanto, que não vê necessidade de o Poder Executivo enviar ao Congresso Nacional um projeto de lei alterando o porcentual, porque já existem projetos sobre esse tema tramitando no Legislativo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.