Jornal diz que Vale fará proposta por Xstrata

A Vale está a poucos dias de revelar uma proposta de compra para a concorrente Xstrata, por um valor superior a US$ 80 bilhões. Segundo o jornal "The Observer", a Vale deve oferecer metade desse valor em dinheiro. A empresa lançaria o restante do valor em ações preferenciais para a Glencore, que detém uma participação de 35% na Xstrata, e, que por sua vez, assumiria uma participação na Vale. O jornal informa ainda, sem citar fontes, que o negócio seria anunciado ainda nesta semana, mas fontes alertaram que a instabilidade do mercado de crédito estaria dificultando a obtenção do financiamento necessário pela Vale.O negócio seria o maior já orquestrado pelo executivo-chefe da Xstrata, Mick Davis. Nos cinco anos em que ele chefiou a Xstrata, ele estruturou várias incorporações que levaram o preço da ação da companhia a aumentar mais de sete vezes. De capital fechado, a Glencore pertence aos gerentes e funcionários da companhia e tem sua sede em Baar, na Suíça. Segundo o Sunday Times, o diretor financeiro da Vale, Fábio Barbosa, reuniu-se com 12 grandes bancos e o HSBC seria o líder de um consórcio de instituições que daria o suporte financeiro para a operação. O consórcio incluiria ainda o Santander, o BNP Paribas, Lehman Brothers, Credit Suisse e Citigroup.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.