Efe
Efe

coluna

Dan Kawa: Separar o ruído do sinal é a única forma de investir corretamente daqui para a frente

Jornalistas pedem socorro ao governo na Grécia contra o desemprego

Manifestação em frente ao Ministério do Trabalho pediu medidas de ajuda aos demitidos do setor de comunicação

Efe,

30 de abril de 2013 | 15h35

ATENAS - Vários jornalistas protestaram nesta terça-feira, 30, na porta do Ministério do Trabalho da Grécia, em solidariedade a trabalhadores que perderam seus empregos no mercado de comunicação.

O grupo reunia jornalistas desempregados e também que continuam em atividade. Eles pediram ao governo que apoie medidas de ajuda aos colegas que ficaram sem trabalho por causa do impacto da crise econômica no setor jornalístico.

Depois de assinar um protocolo de resgate internacional de € 17 bilhões, o governo do Chipre reconheceu há poucos dias que precisará de mais € 6 bilhões para equilibrar as contas públicas e sanear seu sistema financeiro.

O valor extra é equivalente a quase um terço do Produto Interno Bruto (PIB) do país, que já está obrigado a vender seu ouro para pagar contas.

O terceiro maior banco da Grécia, o Eurobank, será nacionalizado, anunciou o governo. A instituição reconheceu a própria incapacidade de captar capital suficiente no mercado privado para manterse solvente e em atividade.

Tudo o que sabemos sobre:
gréciaatenasjornalistasdesemprego

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.