Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Juro de longo prazo é mantido em 6,25% para o 1º trimestre

A TJLP representa o custo básico dos financiamentos concedidos pelo BNDES

Fabio Graner, da Agência Estado,

17 de dezembro de 2008 | 13h58

O Conselho Monetário Nacional (CMN) decidiu manter em 6,25% ao ano a Taxa de Juro de Longo Prazo (TJLP) válida para o período de janeiro a março de 2009. A TJLP representa o custo básico dos financiamentos concedidos pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).Segundo o diretor de desestatização do Banco Central, Gustavo do Vale, a decisão foi tomada com base na meta de inflação de 4,5% e no risco Brasil de 175 pontos-base. Ao ser questionado sobre o fato de que o risco Brasil subiu significativamente nos últimos meses, Vale disse que o CMN entende que este movimento é transitório e, por isso, preferiu trabalhar com a mesma medida de risco.

Tudo o que sabemos sobre:
CréditoTJLPBNDESJuro de Longo prazo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.