Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Juro na zona do euro fica inalterado em 4% ao ano

O Banco Central Europeu (BCE) manteve sua taxa de juros em 4% ao ano, conforme o esperado, para a zona do euro. A medida representa uma meia-volta do BCE, que havia sinalizado aumento dos juros em setembro após a reunião de 2 de agosto. No entanto, autoridades do banco haviam alertado os mercados que este sinal foi emitido antes da emergência das preocupações sobre a liquidez dos mercados financeiros. O BCE não forneceu nenhuma explicação para a medida.Os investidores observarão com atenção os comentários que o presidente da instituição, Jean-Claude Trichet, fará, em busca de sinais de elevação do juro em outubro. Eles ficarão de olho no uso do termo "vigilância" sobre os riscos aos preços - expressão que indicou todos os aumentos das taxas de juros pelo BCE desde o início do ciclo de aperto, em dezembro de 2005. Esta foi a expressão usada por Trichet em 2 de agosto para sinalizar alta das taxas em setembro, antes que as preocupações com o crédito imobiliário de alto risco se espalhassem pelos mercados globais. As informações são da Dow Jones.

CAROLINA RUHMAN, Agencia Estado

06 de setembro de 2007 | 09h23

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.