Juro real nos Estados Unidos fica abaixo de zero

Com novo corte, diferença entre a taxa básica de juros dos EUA e a inflação no país é negativa

New York Times,

18 de março de 2008 | 17h10

O corte de 0,75 ponto porcentual no juro básico dos Estados Unidos, anunciado nesta terça-feira, 18, pelo Federal Reserve fez com que o juro real do país (resultado da taxa básica menos a inflação nos últimos 12 meses) ficasse abaixo de zero. Veja também  Juro americano cai para 2,25% e Fed sinaliza novas reduções Com a nova redução - a sexta desde setembro do ano passado -, a taxa de juros chegou a 2,25% ao ano, contra 4% do índice de preços ao consumidor (CPI) acumulado entre março de 2007 e fevereiro deste ano. O valor também está bem abaixo dos juros da União Européia, de 4%, e da Inglaterra, de 5,25%.  Apesar de ter sido um dos mais profundos da história do banco central norte-americano, o corte divulgado nesta terça ainda foi menor do que os investidores esperavam. Os investidores já previam que o BC dos EUA reduziria o custo do empréstimo em pelo menos 0,75 ponto nesta terça, mas os crescentes temores sobre uma crise nos mercados elevaram ainda mais as expectativas. O anúncio do Fed representa a ação final de uma série de movimentos realizados nessas últimas semanas para dar suporte aos mercados financeiros e à economia do país.

Tudo o que sabemos sobre:
Crise nos EUAJuros

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.