Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Juro só cai se inflação cair, diz Meirelles

O presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, em entrevista ao jornal El País publicada hoje, disse ?que não haverá uma baixa de taxas de juros, até que se tenha reduzido a inflação?. Segundo Meirelles, ?o momento para baixar os juros será determinado pelo ritmo de ajuste dos preços ao objetivo? de metas inflacionárias estabelecidos pelo BC. Ele observou que na semana que vem será realizada a reunião do Copom, quando então serão analisados o que se passa com preços e com as taxas de juros. ?Mas insisto que a prioridade é redução da inflação e utilizaremos qualquer meio ao meu alcance para conseguir o objetivo?, disse Meirelles ao diário espanhol. Meirelles observou que o Real está ganhando terreno frente ao dólar, desde a volatilidade pré-eleitoral, e que isto resultou em redução da inflação. ?Agora mesmo estamos muito atentos a este processo?, explicou. Segundo o El Pais, Meirelles evitou dizer se o BC interviria no mercado em caso do ressurgimento de um movimento especulativo, mas deixou claro que não permitirá que sua estratégia seja afetada, sem usar todas as armas de que dispõe. Ainda na entrevista ao El Pais, o presidente do Banco Central afirmou que ?a política do Banco Central, no médio prazo, será conservadora?. Ele disse que os juros elevados interbancários, que neste momento supera os 26%, não parecem que sejam a causa da restrição de crédito no País. ?No ano passado, as taxas estavam mais baixas e o nível de crédito era mais ou menos o mesmo. A concessão ou pedidos de crédito dependem mais da inflação, pois se ela se reduz, se pode baixar as taxas de juros. Este é o processo, mecanismo chave para que se expanda o mecanismo de empréstimo no sistema e se reative a atividade econômica e, por isso, a luta contra a escalada dos preços é tão importante?.

Agencia Estado,

16 de maio de 2003 | 07h40

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.