Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

Juros altos elevam dívida interna, diz consultor

O consultor Antoninho Marmo Trevisan alertou contra a política de juros altos que tem provocado um "preocupante" crescimento da dívida interna pública. "Num ano se conseguiu gerar um superávit primário que corresponde à metade dos juros que você está tendo que pagar", contabilizou durante entrevista ao Conta Corrente, da Globo News. "Há anos eu fico indignado com esta estratégia de juros altos por esta razão: se eu estou gerando um ´lucro` que equivale à metade dos juros que eu tenho que pagar, naturalmente que a minha dívida está subindo, ponderou o consultor da Trevisan & Associados.Antoninho Trevisan ressalvou que, do ponto de vista da economia, o governo "vem arrumando a casa", porém criticou o que ele chama de visão unilateral do Banco Central na política de juros. "A questão focada pelo Banco Central, em alguns momentos eu considero equivocada", sentenciou. "Olha o lado de quem está emprestando para o governo, mas é preciso olhar o lado daqueles que estão gerando a produção", frisou. "Nós estamos tendo um processo vegetativo de crescimento da dívida interna líquida no País. Eu acho isto muito perigoso, continua perigoso e eu faço este alerta aqui com muita ênfase hoje."

Agencia Estado,

30 de setembro de 2003 | 08h07

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.