Juros do seguro de carro ficam inalterados

Os juros cobrados sobre as parcelas do seguro de automóvel continuam nos mesmos patamares do que as registradas em novembro, segundo pesquisa mensal da Agência Estado realizada entre os dias 11 e 13 de dezembro junto a 11 empresas seguradoras. A taxa média mensal praticada nos seguros de carro com parcelamento em até quatro vezes permaneceu a mesma: 2,55%. Nos planos de cinco a sete parcelas, a taxa média ficou em 3% ao mês. Para os parcelamentos em até doze vezes a taxa média foi de 3,45% ao mês, todos resultados idênticos aos da última pesquisa. Entre as seguradoras pesquisadas, as que apresentam juros menores no seguro de carros são a Generali e a Tokio, com 2,0% ao mês. Já a taxa máxima, de 4,50% ao mês, é cobrada pela Phenix. Vale lembrar que algumas empresas não cobram juros no pagamento em até quatro vezes, como é o caso da Brasil Veículos Cia de Segurados, Caixa Seguros, Cia de Seguros Minas-Brasil, Generali Seguros, Indiana Seguros, Phenix, Unibanco AIG Seguros e Previdência e Vera Cruz Seguradora. Na tabela abaixo, veja os índices de juros apurados na pesquisa. Dezembro Dezembro Novembro parcela média (%) mínima (%) máxima (%) média (%) mínima (%) máxima (%) até 4 2,55 2 3,2 2,55 2 3,2 5 a 7 3 2 3,5 3 2 3,5 8 a 12 3,45 2 4,5 3,45 2 4,5

Agencia Estado,

14 Dezembro 2001 | 17h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.