Juros pouco mais altos e câmbio estável, aponta pesquisa do BC

As projeções de mercado para a taxa de juros no final do ano subiram de 15% para 15,13% ao ano em pesquisa semanal do Banco Central (BC). Com a alta, a estimativa de queda dos juros até o fim do ano foi reduzida de um ponto porcentual para apenas 0,87% ponto porcentual. As previsões de taxa média de juros para o corrente ano, por sua vez, avançaram de 15,80% para 15,87%.As previsões para a taxa de juros no fim de 2005 aumentaram, na mesma pesquisa, de 13,50% para 13,75% ao ano, reduzindo a previsão de queda das taxas no próximo ano de 1,5 ponto porcentual para 1,38 ponto porcentual. As estimativas de taxa média de juros para 2005 subiram, ao mesmo tempo, de 14% para 14,30%. Para o corrente mês, as projeções de juros ficaram estáveis em 16% pela quinta semana consecutiva.Câmbio estávelAs projeções de mercado para a taxa de câmbio no fim do ano permaneceram estáveis em R$ 3,10 na pesquisa semanal do BC. O valor estimado é o mesmo das previsões para o câmbio ao final do corrente mês, que ficaram nos mesmos R$ 3,10 pela segunda semana consecutiva.As expectativas de taxa média para junho também não mudaram e prosseguiram em R$ 3,03 pela quarta semana consecutiva. As previsões de câmbio para o fim de 2005 ficaram estáveis em R$ 3,25 pela quinta semana consecutiva. As projeções de câmbio médio para o próximo ano, por sua vez, recuaram de R$ 3,16 para R$ 3,15.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.