Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

Justiça acata denúncia do caso Cisco

A Justiça Federal acatou hoje as denúncias do Ministério Público Federal no caso Cisco e marcou para o dia 5 de dezembro os primeiros interrogatórios dos dois processos que apuram esquema que teria causado prejuízo de R$ 1,5 bilhão ao Tesouro em fraudes no comércio exterior. Ao todo dezesseis dos quarenta presos pela Polícia Federal e Receita no dia 15 de outubro na Operação Persona tornaram-se réus nos processos de importação fraudulenta de produtos de informática e telecomunicações supostamente capitaneado pela multinacional da informática Cisco Systems e empresas ligadas a ela. A denúncia foi acolhida pelo juiz federal substituto Luiz Renato Pacheco Chaves de Oliveira, da 4ª Vara Federal Criminal de São Paulo. Na sentença, o magistrado justifica sua decisão com o argumento de que "há indícios suficientes da autoria e materialidade delitivas, de modo a estar demonstrada a justa causa para a ação penal".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.