Justiça argentina considera inconstitucional lei da pesificação

A Justiça argentina declarou hoje a inconstitucionalidade da lei que pesificou os créditos tomados em dólares fora do sistema financeiro antes do fim da conversibilidade e determinou que os credores e devedores realizem um "esforço compartilhado para resolver a controvérsia". A sentença poderá ser apelada e o assunto deverá terminar na Corte Suprema de Justiça, onde também se encontra o processo geral sobre a pesificação da economia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.