Justiça autoriza busca no BC argentino

A Justiça autorizou a execução de uma ordem de busca e apreensão na sede do Banco Central da Argentina, como parte da investigação por suposta fraude contra poupadores. Cinco bancos já foram revistados: Sudameris, Galícia, Citibank, Scotiabank e Rio. Leia o especial

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.