Kerry cita plano para impulsionar economia palestina

O secretário de Estado dos EUA, John Kerry, disse neste domingo, 25, que um plano está sendo desenvolvido para expandir a economia palestina em até 50% nos próximos três anos. Segundo Kerry, que falou na Jordânia, o plano poderá reduzir também o desemprego entre os palestinos em quase dois terços e elevar seus salários em 40%.

AE, Agencia Estado

26 de maio de 2013 | 17h45

O plano, no entanto, depende do progresso do processo de paz, paralisado há quase cinco anos, entre Israel e os palestinos, afirmou o secretário.

Kerry está trabalhando com o ex-primeiro-ministro britânico Tony Blair e líderes empresariais mundiais para formular uma estratégia de revitalização da economia palestina.

Kerry participou hoje de uma conferência empresarial ao lado do presidente de Israel, Shimon Peres, e do presidente palestino, Mahmoud Abbas. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
PalestinaJohn Kerry

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.