Kombis ainda aguardam interessados em pagar R$ 85 mil pela ‘last edition’

Fotógrafo do Estadão flagra dezenas de unidades da perua que saiu de linha no fim de 2003 estocadas no pátio da montadora em São Bernardo do Campo

Economia & Negócios,

16 de abril de 2014 | 17h49

SÃO PAULO - Dezenas de Kombis da última série ainda estão estocadas na Volkswagen, à espera de interessados em pagar até R$ 85 mil pela perua que parou de ser fabricada no dia 20 de dezembro do ano passado, após 56 anos de sucesso no mercado brasileiro.

O fotógrafo Márcio Fernandes, do Estadão, flagrou o estoque que sobrou da Kombi no pátio da montadora em São Bernardo do Campo. As fotos feitas durante um voo de helicóptero mostram o pátio repleto de veículos e algumas dezenas de Kombis.

Procurada, a Volkswagen informou que 'ainda restam poucas unidades' no estoque. Parte das peruas estacionadas em São Bernardo seria de vendas já fechadas com compradores do exterior ainda não embarcadas. Há um mês, o número oficial de sobras da Kombi era de 300 unidades.

As Kombis do estoque são da edição de despedida, a "Last Edition", nas cores branca e azul e com placa em bronze com a numeração da edição. Foram produzidas 1,2 mil unidades da última série, vendidas por R$ 85 mil. A Volkswagen informou que também restam unidades disponíveis do modelo básico (standart), que podem ser adquiridas nas concessionárias por preços que variam de  R$ 47,5 mil a R$ 50,9 mil.

Leia também:

Kombi, a ‘velha senhora’, se despede

Kombi se despede com voz de ‘Tapa na pantera’

Após bom início do ano, indústria acumula estoques

 

Tapa da pantera. A campanha de 'deslançamento' da Kombi começou a ser criada em 2011. A campanha terminou com um filme que mostra a volta para casa, na  fábrica na Alemanha, onde o modelo nasceu.A voz da Kombi no filme foi gravado pela atriz Maria Alice Vergueiro, conhecida nas redes sociais pelo vídeo "Tapa na pantera". 

Tudo o que sabemos sobre:
KombiVolkswagen

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.