Kuroda: Imposto não interromperá bom ciclo econômico

A economia japonesa vai superar o impacto negativo dos dois aumentos do imposto sobre vendas, afirmou o presidente do Banco do Japão (BoJ, na sigla em inglês), Haruhiko Kuroda, durante discurso em um simpósio financeiro internacional.

AE, Agencia Estado

19 de março de 2014 | 07h13

"O ciclo virtuoso da economia não será interrompido e a economia vai continuar crescendo acima da sua taxa potencial de crescimento, mesmo com os aumentos do imposto sobre vendas, previstos para abril deste ano e outubro de 2015", disse Kuroda.

Além disso, o presidente do BoJ reiterou que a economia japonesa segue no caminho para atingir a meta de inflação em 2%. Fonte: Market News International.

Tudo o que sabemos sobre:
japãobojkuroda

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.