Kuwait não vê necessidade de cortar produção

PETRÓLEO

, O Estadao de S.Paulo

08 de setembro de 2009 | 00h00

O ministro de petróleo do Kuwait, xeque Ahmad al-Abdullah al-Sabah, disse ontem que não vê a necessidade de reduzir a produção de petróleo e que, na sua opinião, os membro da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) estão de acordo sobre manter a produção. "Não haverá cortes adicionais", disse o ministro antes de partir para Viena, Áustria, onde participará do encontro ministerial do grupo na quarta-feira. "Eu acredito que é consenso geral", acrescentou. Para ele, os preços atuais são satisfatórios, e devem oscilar entre "US$ 60 e US$ 75 por barril e, talvez, US$ 80".

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.