Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Lacker, do Fed, vê chances de recessão e mais cortes de juros

A economianorte-americana, que enfrenta várias dificuldades, corre orisco de entrar numa recessão leve e novos cortes de jurospodem ser necessários para evitar que isso aconteça, disse naterça-feira o presidente do Federal Reserve de Richmond. Jeffrey Lacker afirmou acreditar que o cenário maisprovável é o de baixo crescimento continuado, enquanto omercado de trabalho não fraquejar. "Eu também posso ver a possibilidade de uma recessão fraca,similar às duas últimas que tivemos --em outras palavras, poucoprofunda e de rápida recuperação", disse a um grupo deexecutivos de bancos. "Se o crescimento do emprego for positivo nos meses àfrente, e se os salários puderem ficar acima da inflação, entãoo crescimento da renda poderá ser suficiente para apoiaraumentos nos gastos do consumidor e permitir que contornemos arecessão", ele disse. Lacker, que não é membro votante este ano do comitê do Fedresponsável pela definição das taxas de juros, disse que levouem conta o risco de recessão ao avaliar a política no mêspassado. O BC norte-americano cortou a taxa básica em 1,25ponto real em janeiro. Lacker afirmou nesta terça que mais cortes poderão sernecessários para impedir a contração da economia. A admissão de Lacker sobre a possibilidade de uma recessãoocorre quando dados econômicos apontam cada vez mais para oenfraquecimento da economia e está entre as mais pessimistasavaliações da economia dos Estados Unidos por uma autoridade doFed desde que economistas privados começaram a alertar sobre oscrescentes riscos de recessão este ano.

MARK FELSENTHAL, REUTERS

05 de fevereiro de 2008 | 21h10

Tudo o que sabemos sobre:
MACROFED

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.