finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Leia a íntegra da carta de Lawrence Summers a Obama

O ex-secretário do Tesouro dos EUA telefonou ao presidente Barack Obama na manhã deste domingo para pedir que seu nome fosse retirado da lista de candidatos à presidência do Federal Reserve, o banco central norte-americano. Segue-se a íntegra da carta que Summers enviou em seguida a Obama:

Agencia Estado

15 de setembro de 2013 | 18h29

"Caro sr. Presidente,

Escrevo para retirar meu nome para consideração para ser o presidente do Federal Reserve.

"Foi um privilégio trabalhar com você desde o começo de sua administração, quando você liderou o país através de uma recessão severa para uma recuperação econômica sustentada, construída sobre políticas para promover o emprego e fortalecer a classe média.

"Este é um momento complexo em nossa vida nacional. Eu concluí, relutantemente, que qualquer possível processo de confirmação para mim seria tumultuado e não serviria aos interesses do Federal Reserve, do governo e, no fim das contas, aos interesses da atual recuperação econômica do país.

"Espero continuar a apoiar seus esforços para fortalecer nossa economia nacional, com a criação de uma prosperidade de base ampla, e para reformar nosso sistema financeiro de modo que nenhum presidente tenha novamente de enfrentar o que você e sua equipe econômica têm enfrentado desde assumir o cargo em 2009.

"Sinceramente seu,

"Lawrence Summers."

Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAFedSummers

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.