finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Leilão de imóveis on line faz sucesso

No primeiro pregão oficial de imóveis realizado exclusivamente pela Web, foram vendidos 13 imóveis, de um total de 36 oferecidos pelo Unibanco. A arrecadação foi de R$ 1.463.870,00. "Conseguimos vender o mesmo que um bom leilão real, o que mostra que a ferramenta Internet é viável para a realização de leilões oficiais", afirma o presidente do Superimovel.com, Ronaldo Sodré Santoro. Para ser considerado oficial, um leilão deve seguir uma série de regras, como a publicação de editais na imprensa, a determinação de hora e local de fechamento dos lances e a presença do leiloeiro. Para garantir que qualquer pessoa pudesse oferecer seus lances - outra exigência da legislação -, os organizadores montaram uma sala com 50 terminais de computador e funcionários para explicar ao público o funcionamento do sistema. O pregão foi organizado em parceria com o portal Planetaimovel.com e com a Sodré Santoro Leilões, tradicional empresa paulista do ramo. Os lances começaram a chegar um mês antes da data do fechamento, mas o presidente do Superimovel.com afirma que a maior parte das ofertas foi feita nos minutos finais para o "bater do martelo". "Conseguimos manter a adrenalina do leilão real, já que muita gente esperou o quanto pôde antes de dar o último lance", conta Santoro. "Com a vantagem de termos na disputa pessoas até de outros Estados." Atualmente, a maioria dos leiloeiros oficiais aceita lances pela rede mundial de computadores, mas as ofertas são feitas antes dos pregões, o que deixa os internautas em desvantagem em relação ao público presente no momento do pregão. O presidente do Sindicato dos Leiloeiros Oficiais do Estado de São Paulo, Mauro Zukerman, é um dos entusiastas do uso da Internet nos pregões, mas deixa claro que os computadores devem ser vistos apenas como mais uma ferramenta de vendas. "Não há como substituir a figura do leiloeiro e o calor dos pregões ao vivo", afirma, contando que até o fim do ano vai começar a aceitar lances pela Internet durante seus pregões.

Agencia Estado,

03 de outubro de 2000 | 20h38

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.