Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Leilão do Madeira terá pelo menos 4 consórcios

Após uma série de brigas empresariais e mudanças de cronograma, começou a ser definida ontem a "escalação? oficial dos participantes do leilão da usina hidrelétrica de Santo Antônio, no Rio Madeira, no dia 10 de dezembro. A novidade na reta final foi a chegada da espanhola Endesa, uma das maiores companhias elétricas da Europa. O presidente do conselho de administração da Endesa Brasil, Mário Santos, confirmou na tarde de ontem que a empresa deve ingressar no consórcio da Camargo Corrêa, juntamente com a estatal Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf) e o grupo CPFL.Ao menos dois consórcios entregaram ontem a inscrição para entrar na disputa: o que é liderado pela Odebrecht/Furnas e o do grupo franco-belga Suez com a estatal Eletrosul. Outros dois consórcios devem entregar hoje suas inscrições: Alusa/Eletronorte e o da própria Camargo Corrêa/Chesf. Após a fase de entrega de inscrições, os consórcios terão de depositar dia 30, na Câmara de Comercialização de Energia Elétrica, as garantias exigidas pelo edital. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

AE, Agencia Estado

23 de novembro de 2007 | 08h25

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.