Lessa alerta para risco de apagão em 2 ou 3 anos

O presidente do BNDES, Carlos Lessa, disse que, se o Brasil voltar a crescer, em dois ou três anos vai ocorrer um novo ?apagão? no País. Ele explicou que o desenvolvimento econômico conduz a aumento na demanda por infra-estrutura. "Provavelmente em dois a três anos estaremos de novo dependentes dos humores de São Pedro. E para não ficarmos sob esse risco, o País tem que imediatamente retomar investimentos em geração, transmissão e distribuição de energia", disse. Na avaliação de Lessa, o mesmo raciocínio se aplica aos setores de petróleo e gás. Segundo ele, o investimento em infra-estrutura é importante não só para o desenvolvimento produtivo, como para melhoria de qualidade de vida. Lessa participou do Fórum Estadual de Participação Social do Rio de Janeiro, na Caixa Econômica Federal (CEF) no Rio de Janeiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.