Lew demonstra confiança de resolução do impasse fiscal

O secretário do Tesouro dos Estados Unidos, Jacob Lew, afirmou nesta quarta-feira que está confiante que os políticos serão capazes a chegar a um acordo para solucionar os impasses fiscais, o que deve ajudar a economia norte-americana a emergir de sua atual crise.

AE, Agencia Estado

13 de novembro de 2013 | 05h26

"Todos os países tem que fazer a sua parte. Os Estados Unidos estão se recuperando da

pior recessão desde a Grande Depressão e precisa ajudar o mundo na qualidade da nossa recuperação. A resiliência da nossa economia se mostrou forte mais uma vez e está se recuperando", disse em entrevista à CNBC nesta quarta-feira.

Além disso, o secretário do Tesouro norte-americano disse que o impasse sobre o orçamento e a dívida dos Estados Unidos configurou uma "crise política e não uma crise econômica." Ele ainda disse que tem a esperança de ver a economia do país mais forte depois da resolução do impasse.

Lew afirmou que os republicanos e os democratas estão "encontrando uma combinação equilibrada de políticas para chegar a um acordo satisfatório."

"A resposta certa é uma abordagem equilibrada. Há uma série de medidas que podemos estabelecer para chegar a um pacote equilibrado", afirmou Lew.

O secretário do Tesouro dos EUA também disse que os países asiáticos e europeus não podem ficar à espera de uma evolução dos Estados Unidos para impulsionar as suas economias.

"O crescimento da demanda é fundamental. O crescimento dos Estados Unidos não pode compensar a falta de crescimento da demanda na Ásia ou na Europa", concluiu Lew. Fonte: Market News International.

Tudo o que sabemos sobre:
euatesouroimpasse

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.