Light alerta sobre golpe de falso funcionário

A Light, empresa fornecedora de energia elétrica no Rio de Janeiro, está alertando seus clientes sobre a atuação de bandidos que se apresentam em nome da empresa para entrar em residências e aplicar golpes e até assaltos. Nos últimos meses, a empresa contabilizou 112 denúncias de clientes sobre abordagens deste tipo, que estão sendo investigadas. Segundo a Light, os falsos funcionários agem preferencialmente em casas, com pessoas idosas e costumam aplicar golpes como cobrança por serviços e outras modalidades destinadas a extorquir os moradores. Em alguns casos os criminosos dizem trabalhar para a Light ou para firmas contratadas pela empresa.A Light informa que não faz nenhum tipo de cobrança ou atendimento comercial domiciliar. De acordo com a empresa, todas as cobranças são feitas por meio da conta de energia, incluindo as taxas de serviços. Outra dica da Light é a de que o consumidor não deve jamais fornecer dados bancários ou números de documentos pessoais. Além disso, os funcionários da Light ou das contratadas não estão autorizados a realizar serviços nas instalações internas das residências.Como medida de precaução a empresa recomenda ainda que os clientes verifiquem se os leituristas, aferidores de medidor e eletricistas das equipes de emergência estão devidamente uniformizados e com o crachá de identificação. Os veículos também devem estar identificados com a logomarca da Light ou, se for de uma firma contratada, com o adesivo numerado "a serviço da Light".Se o cliente tiver dúvidas quanto à identificação do funcionário ou quiser denunciar ações deste tipo, deve ligar imediatamente para o Disque Light pelo 0800-210196.Eletropaulo também sofre com golpistasA Eletropaulo também alertou seus clientes sobre falsos funcionários, na semana passada. De acordo com Eletropaulo, os bandidos se passam por empregados da empresa ou de fornecedores e empreiteiras por ela contratadas a fim de praticarem assaltos, roubos e cobrarem por trabalhos executados. Segundo a empresa, os golpistas chegam até a entregar falsos recibos de operação em campo com um número de Call Center inexistente. A Eletroupalo avisou que o funcionário a empresa nunca deve entrar na residência para realizar eventuais serviços na rede elétrica e que nenhum serviço executado é cobrado diretamente do cliente e sim por lançamento do valor na conta de luz. Em caso de dúvida, o consumidor deve solicitar a ordem de serviço e ligar para a Central de Atendimento ao Cliente - telefone 0800-196196.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.