Linha Volkswagen terá aumento de preços

As concessionárias de bandeira Volkswagen receberam ontem no fim da tarde a nova tabela de preços cobrados pela montadora. De acordo com uma fonte ligada ao setor varejista de automóveis, os reajustes variam de 1,5% a 2,9%.No comunicado enviado às revendas, a montadora justificou o reajuste com o aumento dos custos de produção, ou seja, o aumento salarial de 10% concedido aos metalúrgicos no mês passado, conforme determinação do Tribunal Regional do Trabalho (TRT).PorcentuaisOs únicos preços que não foram alterados são os do Gol Special e dos automóveis produzidos na Argentina - Van e Polo Classic. O Gol sofreu reajuste de 1,6%. Já o modelo turbo com 16 válvulas está sendo reajustado em 2,9%. As versões de Parati 2.0 e 1.8 ficam 1,6% mais cara e o preço do modelo turbo fica 2,6% mais alto. Todos os modelos do Golf aumentam 1,5%, bem como o Santana, a picape Saveiro e a perua Quantum. A Kombi está sendo reajustada em 2,9%.De acordo com o executivo ligado às concessionárias, o mercado já estava preparado, aguardando os reajustes por causa do aumento dado aos trabalhadores. Mesmo assim, considera que afetará as vendas para o varejo. As tabelas estarão sendo ajustadas conforme os estoques forem baixando.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.