Lista de mulheres mais elegantes do mundo inclui primeira-dama chinesa

Lista da revista ‘Vanity Fair’ exclui Michelle Obama e traz Peng Liyuan, que só usa modelos criados por chineses

Economia & Negócios,

05 de agosto de 2013 | 10h27

SÃO PAULO - A primeira-dama chinesa Peng Liyuan é a primeira mulher da República Popular China a figurar na lista da revista Vanity Fair das mulheres mais bem vestidas do mundo.

Peng Liyuan conseguiu a proeza digna das mais poderosas mulheres do mundo capitalista usando apenas criações de estilistas chineses.

A entrada da chinesa coincide com a saída da lista da primeira-dama dos Estados Unidos, Michelle Obama, que este ano ficou fora da lista da Vanity Fair.

Desde 1940, ano em que a lista das mulheres mais bem vestidas do mundo começou a ser publicada pela Vanity Fair, apenas uma chinesa havia sido incluída no seleto grupo: foi a primeira-dama Soong May-ling, esposa de Chiang Kai-shek. Mas, isso foi há 70 anos, quando o país ainda era chamado de República da China.

Após a revolução comunista, que impôs o severo traje estilo Mao Tsé-Tung, tanto Soong como seu marido tiveram que buscar asilo em Taiwan.

Há 30 anos a República Popular da China iniciou a abertura das suas portas ao mundo. Agora, Peng Liyuan, uma cantora folclórica filiada ao Exército, muito mais famosa que o marido, o presidente Xi Jinping, ganha notoriedade mundial como uma das mais elegantes mulheres do planeta.

A princesa Letizia, a duqueza de Cambridge Kate Middleton e Magdalena de Suécia estão na lista representando as monarquias da Europa. No caso de Letizia, a revista destaca como melhor vestido do ano uma criação azul de Felipe Varela.

Charlize Theron, Kerry Washington e Brooke Shields são as únicas atrizes da lista. Gisele Bündchen e o marido Charlize Theron, Kerry Washington e Brooke Shields são as únicas atrizes da lista. Gisele Bündchen e o marido Tom Bradyne também estão na lista.

Tudo o que sabemos sobre:
ModaVanity Fair

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.