carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Lobão: pré-sal elevará autossuficiência brasileira

As descobertas de petróleo na camada do pré-sal, localizada abaixo do leito marinho, elevarão a autossuficiência energética brasileira em mais meio século, afirmou o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão. "Acreditamos que lá podem existir 50 bilhões de litros de petróleo", disse ontem à noite, em evento da Câmara de Comércio Brasileira na Grã-Bretanha. Atualmente, as reservas nacionais são de 14 bilhões de litros de óleo. O ministro lembrou que hoje o País produz e consome cerca de 2 milhões de barris de petróleo por dia (bpd).

DANIELA MILANESE, Agencia Estado

21 de maio de 2009 | 11h07

Lobão afirmou que, sempre que uma sonda é colocada em qualquer parte do mundo, existe o risco de não se encontrar nada. "Mas no pré-sal não existe esse risco, é lançar o anzol e pegar o peixe."

Ele também destacou o papel do Brasil na área de energia limpa. O álcool combustível (etanol), desenvolvido desde a década de 1970 com a crise do petróleo, hoje já é mais consumido nos carros brasileiros do que a gasolina. Além disso, lembrou, 90% da energia elétrica gerada no País vem das hidrelétricas. "Posso dizer com uma certa ponta de orgulho que o Brasil possui a matriz energética mais limpa do mundo, longe do segundo lugar."

Depois de receber o título de "Personalidade do Ano" da Câmara de Comércio Brasileira em Londres, o ministro segue hoje para a França, onde visitará usinas nucleares. Depois, participará do encontro de ministros de Energia do G-8 (grupo que reúne as sete maiores economias do mundo e a Rússia) em Roma, na Itália, entre os dias 23 e 26 de maio.

Tudo o que sabemos sobre:
energiapetróleopré-salLobão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.