Lucro da BG Group cai 21% no 2º trimestre, para US$ 602 milhões

Resultado foi afetado pela queda na produção de petróleo e gás e grande baixa contábil no valor de contratos

Clarissa Mangueira, da Agência Estado,

28 de julho de 2010 | 08h34

A companhia de petróleo britânica BG Group afirmou que seu lucro líquido caiu 21% no segundo trimestre, afetado pela leva queda da produção de petróleo e gás e uma grande baixa contábil no valor de alguns contratos. Às 8h10, as ações da BG Group recuavam 2,21% em Londres.

A empresa disse que seu lucro líquido totalizou US$ 602 milhões no segundo trimestre, em comparação com US$ 761 milhões no mesmo período do ano passado.

Os números incluíram um encargo antes de impostos de US$ 443 milhões no processo de marcação a mercado nos contratos de longo prazo, que foram compensados parcialmente por um crédito fiscal de US$ 197 milhões. O lucro líquido ajustado pelos itens não operacionais aumentou 19%, para US$ 899 milhões, superando as previsões dos seis analistas ouvidos pela Dow Jones, que esperavam um lucro de US$ 832 milhões.

A produção total de petróleo e gás foi de 630 mil barris por dia no segundo trimestre, um declínio de 2,1% em relação ao mesmo período do ano passado.

A receita total aumentou 20% no segundo trimestre, para US$ 4,16 bilhões, de US$ 3,48 bilhões em igual período de 2009, refletindo a alta dos preços da energia, segundo a companhia. O lucro diluído por ação foi de US$ 0,177, ante US$ 0,225. As informações são da Dow Jones. 

Tudo o que sabemos sobre:
bg grouplucrotrimestre

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.