Lucro da Boeing recua 21% no 2º trimestre com queda na receita de negócios

Companhia registrou ganho de US$ 787 mi no período, ante US$ 998 mi no mesmo trimestre de 2009

Danielle Chaves, da Agência Estado,

28 de julho de 2010 | 10h20

O lucro da Boeing caiu 21% no segundo trimestre deste ano, à medida que a receita de seus negócios de aviação civil e defesa diminuiu. A companhia teve lucro de US$ 787 milhões (US$ 1,06 por ação), de US$ 998 milhões (US$ 1,41 por ação) no mesmo trimestre do ano passado, enquanto a receita recuou 9,2%, para US$ 15,57 bilhões.

Analistas ouvidos pela Thomson Reuters esperavam lucro de US$ 1,01 por ação e receita de US$ 16,13 bilhões. No pré-mercado em Nova York, as ações da Boeing caíam 0,32%.

As vendas do negócio de defesa, espaço aéreo e segurança, o maior da companhia em receita, caíram 7,7% e o lucro diminuiu 19%. No negócio de aviões comerciais, as vendas recuaram 12% e o lucro declinou 16%.

No início deste mês, a Boeing informou que entregou 114 jatos comerciais durante o segundo trimestre deste ano, 11 a menos do que em igual período de 2009. As informações são da Dow Jones. 

Tudo o que sabemos sobre:
boeinglucrotrimestrereceitanegócios

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.