Lucro da Gol subiu 45,4% no segundo trimestre

A Gol Linhas Aéreas Inteligentes registrou no segundo trimestre deste ano um lucro líquido de R$ 106,7 milhões, superior em 45,4% ao do mesmo período de 2005, informou hoje a companhia. Já o lucro bruto da empresa (Ebitda) subiu 42,3%, para R$ 221,6 milhões. Em comunicado, a Gol informou ainda que sua receita líquida entre o segundo semestre de 2005 e o deste ano cresceu 50,1%, para R$ 844 milhões.De acordo com a nota, a taxa de ocupação das aeronaves da companhia no segundo trimestre foi de 75,9%, 3,3 pontos percentuais maior que em igual período do ano passado. Durante o segundo trimestre, a Gol recebeu cinco aviões Boeing 737, com os quais sua frota passou a ter 50 aeronaves. Esse aumento permitiu que a empresa abrisse novas rotas e aumentasse o número de vôos nacionais e internacionais."Com a expansão da frota e o aumento das freqüências durante o segundo trimestre, a companhia elevou sua participação no mercado interno e consolidou sua posição de segunda maior empresa aérea brasileira", afirmou o presidente de Gol, Constantino de Oliveira Júnior.Entre as companhias aéreas brasileiras, a Gol terminou o trimestre com uma participação de 35% e 6% nos mercados interno e internacional, respectivamente.A companhia, que iniciou suas operações em janeiro de 2001, opera mais de 500 vôos diários para 50 destinos, seis deles no exterior: Buenos Aires, Córdoba e Rosário, na Argentina; Assunção, no Paraguai; Montevidéu, no Uruguai; e Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.