Lucro da InBev aumenta 286% no primeiro trimestre

O principal grupo cervejeiro mundial, a belga-brasileira InBev, alcançou lucro líquido de 166 milhões de euros durante o primeiro trimestre de 2006, 286% a mais que no mesmo período do ano anterior, quando foi acumulado 58 milhões de euros. As vendas totais da InBev chegaram aos 50,1 milhões de hectolitros, um aumento de 6,2%, das quais a comercialização de cerveja alcançou os 41,9 milhões, ou 5,4%; e a de bebidas gasosas sem álcool chegou aos 8,1 milhões, ou 10,9%.A InBev destaca que o crescimento do faturamento "se manteve forte" na América Latina, onde melhorou 9%.O volume de negócio aumentou 7,8%, para 2,793 bilhões de euros.O resultado bruto de exploração (Ebitda) da InBev aumentou 29,5% entre janeiro e março passados, enquanto no mesmo período do ano anterior crescera 23,8%.A InBev é a empresa resultado da aliança entre a brasileira Ambev e a belga Interbrew.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.