Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Lucro da InBev mais de duplicou no 4º trimestre de 2007

A InBev - empresa resultante da fusão entre a belga Interbrew e a brasileira AmBev - anunciou nesta quinta-feira um forte crescimento de seu lucro no quarto trimestre de 2007, puxado pelo crescimento de vendas de cervejas na América Latina, leste da Europa e Rússia, mas alertou que a alta dos preços das matérias-primas pode alterar esse cenário no futuro.O lucro líquido no último trimestre do ano passado mais que dobrou para ? 900 milhões (US$ 1,35 bilhão), alta de 142% sobre o resultado registrado no mesmo período de 2006 (? 371 milhões - US$ 490 milhões). Analistas esperavam lucro líquido de ? 490 milhões (US$ 737 milhões).Os ganhos antes dos juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) totalizaram ? 1,47 bilhão no período, alta de 24% em relação ao mesmo trimestre de 2006, quando registrou ? 1,18 bilhão. A receita bruta no período totalizou ? 3,88 bilhões (US$ 5,8 bilhões), alta de 8% dos ? 3,59 bilhões (US$ 4,74 bilhões) de igual período de 2006.A companhia registrou forte crescimento nos principais mercados emergentes, como Brasil e Argentina, onde o volume de vendas cresceu mais que 9%.No ano de 2007, o lucro líquido da InBev somou ? 2,2 bilhões (US$ 3,31 bilhões), alta de 5% ante os ? 1,41 bilhão (US$ 1,86 bilhão) de 2006. As receitas subiram 8% - de ? 13,3 bilhões (US$ 17,57 bilhões) para ? 14,4 bilhões (US$ 21,66 bilhões). As informações são da Dow Jones

CLARISSA MANGUEIRA, Agencia Estado

28 de fevereiro de 2008 | 06h56

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.