Lucro da Moody's cai 31% no 1º trimestre do ano

Resultado foi atribuído ao declínio da receita em muitos dos segmentos em que a agência atua

Danielle Chaves, da Agência Estado,

23 de abril de 2008 | 13h40

A agência de classificação de risco Moody's anunciou queda de 31% no lucro líquido do primeiro trimestre, para US$ 120,7 milhões (US$ 0,48 por ação). No mesmo período do ano passado, a empresa havia apresentado US$ 175,4 milhões (US$ 0,62 por ação). A receita caiu 26% no mesmo intervalo, para US$ 430,7 milhões. O resultado foi atribuído ao declínio da receita em muitos dos segmentos em que a agência atua, em razão da crise no mercado de crédito. O executivo-chefe, Raymond McDaniel, afirmou que a Moody's permanece "cautelosa sobre a recuperação dos mercados de crédito em 2008". As estimativas dos analistas ouvidos pelo Thomson Financial eram de ganhos de US$ 0,35 por ação e US$ 417 milhões em receita. A receita da companhia caiu 37%. A receita financeira corporativa do grupo diminuiu 31%. Enquanto isso, sua receita financeira estruturada teve redução de 57%, em razão de "significativos" declínios na emissão na maior parte ds categorias de ativos nos Estados Unidos e nos setores europeus de derivativos de crédito e de financiamento comercial imobiliário. A Moody's confirmou sua previsão para 2008, que foi reduzida em março, de ganhos de US$ 1,90 a US$ 2,00 por ação. As recentes estimativas dos analistas são de ganho de US$ 1,83 por ação e diminuição de 19% na receita, para US$ 1,84 bilhão. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Moody's

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.