Lucro da Petrobras chega a R$ 5,02 bi no 1º trimestre do ano

A Petrobras obteve nos três primeiros meses de 2005 lucro líquido consolidado de R$ 5,02 bilhões, resultado em linha com a expectativa dos analistas - em torno de R$ 5 bilhões. O lucro foi 32% superior ao apurado no mesmo trimestre do ano anterior. O Ebitda da companhia (lucro antes dos juros, impostos, depreciações e amortizações e participações) foi de R$ 10,5 bilhões, representando um aumento de 23% em relação ao mesmo período de 2004. A receita operacional líquida (resultado apenas da atividade primária da empresa) da estatal cresceu R$ 5,7 bilhões no primeiro trimestre deste ano sobre o mesmo período no ano passado atingindo a R$ 28,917 bilhões. A companhia atribuiu o crescimento de seus resultados aos ajustes praticados nos preços médios de realização dos derivados básicos no mercado interno, a partir do segundo semestre de 2004; às receitas com exportações, reflexo das maiores cotações do petróleo no mercado internacional; e ao aumento dos volumes de vendas e dos preços praticados no Cone Sul. Investimentos Os investimentos da Petrobras no primeiro trimestre deste ano atingiram a R$ 5,2 bilhões, ou 36% a mais do que no mesmo período no ano passado. Deste total, segundo informou a empresa, R$ 2,83 bilhões foram destinados à produção de petróleo e gás. Os investimentos incluem os R$ 457 milhões investidos a partir das Sociedades de Propósito Específico (SPE). As áreas de Exploração e Produção e a de Refino e Abastecimento ficaram respectivamente 54% e 13% do total investido.

Agencia Estado,

13 Maio 2005 | 18h45

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.