Lucro da Repsol cresce 8,2% por conta de preço do petróleo

Os elevados preços do petróleo fizeram com que a companhia petrolífera hispano-argentina Repsol YPF obtivesse um lucro líquido de 862 milhões de euros (US$ 1,034 bilhão) no primeiro trimestre do ano, 8,2% a mais que no mesmo período de 2005. Em contrapartida, a produção foi de 1.102.300 barris diários, 2,6% a menos na mesma base de comparação. Excluindo os elementos não recorrentes, que chegam a 18 milhões de euros (US$ 21,6 milhões), o lucro líquido ajustado subiu 7,5%.O lucro bruto de exploração (Ebitda) cresceu 15%, para 2,354 bilhões de euros (US$ 2,824 bilhões). Já o lucro operacional subiu para 1,604 bilhão de euros (US$ 1,924 bilhão), aumento de 9,4%.A área de Prospecção e Produção registrou um lucro operacional de 916 milhões de euros (US$ 1,099 bilhão), 44,6% a mais que no primeiro trimestre do ano passado. O aumento se deve à alta do petróleo e também do preço do gás produzido em Trinidad e Tobago e na Argentina.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.