Lucro da Telmex tem alta de 16,4% no 4º trimestre

Maior crescimento da receita ocorreu na Colômbia (58,6%), seguido pela Argentina (39,8%) e pelo Chile (25,5%)

Clarissa Mangueira, Agência Estado

18 de fevereiro de 2009 | 07h47

A empresa de telecomunicações Telmex Internacional, do magnata Carlos Slim, disse na terça-feira, 17, que seu lucro líquido subiu 16,4% no quarto trimestre, para 1,25 bilhão de pesos mexicanos (US$ 85,6 milhões), sobre um faturamento mais elevado. Em comunicado, a companhia disse que suas vendas consolidadas tiveram crescimento de 15% em termos nominais no ano, para 19,5 bilhões de pesos mexicanos. O maior crescimento da receita ocorreu na Colômbia (58,6%), seguido pela Argentina (39,8%) e pelo Chile (25,5%). O resultado operacional antes dos juros, despesas financeiras, amortizações e depreciação (Ebitda) aumentou 8,2% em termos nominais, para 4,33 bilhões de pesos mexicanos. O mercado estava esperando um lucro líquido de 774 milhões de pesos mexicanos, vendas de 19,54 bilhões de pesos mexicanos e um Ebitda de 4,82 bilhões de pesos mexicanos. A companhia disse ter uma dívida total de US$ 1,89 bilhão, com 52,8% de suas obrigações em dólar. A empresa revelou ainda ter hedges em dólar num total de US$ 217 milhões para "minimizar o risco de flutuações da taxa de câmbio".

Tudo o que sabemos sobre:
Telmextelecomunicações

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.