Lucro do Bradesco sobe 20% para R$ 608,713 milhões

O Bradesco obteve lucro líquido de R$ 608,713 milhões no primeiro trimestre deste ano, com crescimento de 20% frente ao apurado em igual período de 2003. As receitas da intermediação financeira totalizaram R$ 6,756 bilhões, volume 4,5% menor no comparativo com o primeiro trimestre do ano passado. O resultado bruto da intermediação subiu 8,5%, para R$ 2,769 bilhões. A provisão para créditos de liquidação duvidosa recuou 30,6% no período, para R$ 560,994 milhões. A instituição registrou R$ 1,970 bilhão como outras despesas operacionais, um aumento de 39,4% no comparativo dos trimestres. O ganho operacional diminuiu 30% nos primeiros três meses do ano, somando R$ 798,864 milhões. O banco teve prejuízo não operacional de R$ 11,146 milhões, com queda de 681,563 milhões. O lucro por ação foi de R$ 3,85. Em 31 de março passado, o patrimônio líquido do banco era de R$ 13,625 bilhões. Os números são consolidados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.