Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Lucro do Citigroup sobe no 1o tri por perdas menores com ativos

O lucro líquido trimestral do Citigroup cresceu 4 por cento apoiado em perdas menores que compensaram queda na receita e no lucro gerado por negócios com corretagem de títulos e empréstimos.

Reuters

14 de abril de 2014 | 09h38

O lucro líquido ajustado do primeiro trimestre subiu para 4,15 bilhões de dólares, ou 1,30 dólar por ação, ante 4 bilhões, ou 1,29 dólar por papel, um ano antes, disse o terceiro maior banco dos Estados Unidos nesta segunda-feira.

O prejuízo líquido ajustado do Citi Holdings, que detém o portfólio do banco formado por ativos em dificuldades que sobraram da crise financeira, diminuiu para 292 milhões de dólares ante 798 milhões um ano antes.

No negócio principal da instituição, conhecido como Citicorp, o lucro líquido caiu 8 por cento e a receita recuou 5 por cento por causa de uma queda na receita com negociação de bônus e empréstimos hipotecários.

Os resultados do primeiro trimestre foram atingidos por custos jurídicos maiores. Durante o trimestre, o banco anunciou que está investigando denúncias de fraude de 400 milhões de dólares em empréstimos realizados por sua subsidiária mexicana.

O lucro líquido total subiu para 3,94 bilhões de dólares, ou 1,23 dólar por ação, ante 3,81 bilhões, ou 1,23 dólar por papel, no mesmo período do ano passado.

Tudo o que sabemos sobre:
BANCOSCITIGROUPRESULTS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.