Lucro do Unibanco cresceu 97% em 2007 para R$ 3,4 bi

O Unibanco registrou lucro líquido de R$ 3,448 bilhões em 2007, o que representa um crescimento de 97% sobre os ganhos de 2006. O retorno sobre o patrimônio líquido médio do banco ficou em 31,7%. Conforme a instituição, descontado os eventos não recorrentes, o lucro alcançou R$ 2,6 bilhões, com evolução de 17,6% sobre o exercício anterior. Com esse resultado, o retorno sobre o patrimônio ficaria em 24,5%.Isoladamente no quarto trimestre do ano passado, o banco lucrou R$ 827 milhões, apresentando crescimento de 43% sobre o mesmo período de 2006. O retorno sobre o patrimônio médio anualizado do trimestre ficou em 31,4%.As receitas da intermediação financeira totalizaram R$ 17,252 bilhões em 2007, praticamente igual aos R$ 17,278 bilhões de 2006. O resultado operacional somou R$ 4,097 bilhões no ano passado e foi 15,6% maior do que no exercício anterior.A carteira de crédito do Unibanco fechou o ano em R$ 61,435 bilhões, mostrando crescimento de 35,4% sobre 2006. UnitsO Unibanco anunciou ontem à noite um programa de recompra de até 20 milhões de units (certificado de depósito de ações, que representa uma ação preferencial de emissão do Unibanco e uma ação preferencial de emissão da Unibanco Holdings) pelo período de um ano, a contar a partir de amanhã. A aquisição será realizada a preços de mercado e intermediada pela Unibanco Investshop Corretora de Valores Mobiliários. As ações a serem compradas serão mantidas em tesouraria, para posterior alienação ou cancelamento, sem redução do capital social do Unibanco ou da Unibanco Holdings.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.