Marcio Fernandes/ Estadão
Marcio Fernandes/ Estadão

Luiz Frias deixa a presidência da ‘Folha’

Executivo passará a ser designado publisher no expediente do jornal, segundo nota da empresa

Redação, O Estado de S.Paulo

25 de agosto de 2020 | 21h32

O empresário Luiz Frias decidiu deixar a presidência da Folha da Manhã, empresa que controla o jornal Folha de S. Paulo. Procurada pelo Estadão, a Folha enviou a seguinte nota: “A partir de amanhã (quarta-feira, 26) Luiz Frias passa a ser designado publisher no expediente da Folha.” 

A informação sobre a saída de Frias do cargo foi inicialmente publicada pelo colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo. Em um comunicado que foi distribuído a editores da Folha, ao qual o Estadão teve acesso, o movimento foi explicado como uma decisão burocrática, que não afeta o dia a dia da empresa e da redação.

Desde o ano passado, Luiz Frias e sua irmã, Maria Cristina, travam uma disputa na Justiça relativa à companhia. Maria Cristina, que havia assumido o cargo de diretora de redação em agosto de 2018, após a morte de Otavio Frias Filho, deixou a função em março de 2019.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.