Lula anuncia R$ 7 bilhões para agricultura familiar

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva assegurou hoje, durante a cerimônia de lançamento do Plano de Safra para a Agricultura Familiar 2004-2005, que não faltarão recursos para o setor. Ele disse que serão liberados R$ 7 bilhões em créditos para agricultores familiares e assentados da reforma agrária, o que representa um crescimento de 30% em comparação com os alocados no ano passado para o setor.Segundo ele, se aparecerem pedidos para elevar este valor para R$ 7,5 bilhões ou R$ 8 bilhões, eles serão atendidos. "Sempre é possível arranjar mais um pouco", afirmou Lula, na cerimônia realizada no Palácio do Planalto.Ele lembrou que, quando assumiu o governo, apenas 57% dos recursos disponibilizados para a agricultura familiar chegavam aos agricultores e disse que, na última safra, foi alcançado o índice de 85%. O maior obstáculo, anteriormente, eram as exigências cadastrais feitas pelos bancos."É claro que ainda falta muita coisa, e precisamos que os bancos privados dêem a sua contribuição", afirmou, pedindo aos agricultores que, se encontrarem alguma dificuldade, se manifestem e se queixem, porque, muitas vezes, por não saber o que acontece, um ministro ou presidente de banco não toma a medida certa para beneficiar o setor.

Agencia Estado,

28 de junho de 2004 | 15h43

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.