Lula anunciou seis medidas para o comércio exterior

O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, anunciou nesta tarde seis medidas de estímulo ao comércio exterior brasileiro. Em discurso no 23º Encontro Nacional dos Exportadores (Enaex), no Rio, Lula anunciou a criação do Comitê de Financiamento e Garantia das Exportações para unificar as competências dos contratos de seguro e crédito. O Comitê será vinculado à Camex. Lula anunciou também a revogação das limitações do uso do Convênio de Crédito Recíproco (CCR). Segundo ele, a medida vai permitir um maior equilíbrio dos pagamentos recíprocos e multilaterais nas negociações comerciais entre brasileiros e outros países da América do Sul. Outra medida anunciada foi a revisão dos seguros de crédito nas operações com o CCR. De acordo com o presidente, a medida vai corrigir distorções nas avaliações de riscos no comércio com países da Aladi ? Associação Latino-americana de Integração. O presidente anunciou ainda a inclusão de organismos financeiros internacionais no Proex Equalização. Segundo ele, a medida aumentará a competitividade de empresas brasileiras que participam de licitações para construção de obras em outros países. As outras medidas anunciadas foram a revisão de resolução da Camex de 2002, que tornará o Proex Financiamento destinado prioritariamente às exportações de micro, pequenas e médias empresas. A sexta medida anunciada foi a criação do Programa de Incentivo à Produção Exportável de Pequenas e Médias Empresas (Propex), com o objetivo de financiar a produção das empresas desse porte.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.