Lula conhece sede da Nuclep, em Itaguaí

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva seguiu, no início da tarde, acompanhado da ministra de Minas e Energia, Dilma Rousseff e do presidente da Petrobras, José Eduardo Dutra, da cidade do Rio de Janeiro para a sede da Nuclep, em Itaguaí. A governadora do Rio, Rosinha Garotinho (PMDB) também participa do evento, assim como o ministro de Ciência e Tecnologia, Eduardo Campos e o secretário do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social, Jacques Wagner. Lula vai conhecer visitar as instalações da unidade, que finalizou nas últimas semanas a construção dos dois primeiros blocos de 28 que compõem o casco da plataforma semi-submersível P-51. A plataforma será a primeira do tipo semi-submersível a ser completamente construída no Brasil e contará com investimentos de US$ 800 milhões. Assim que estiverem concluídos os blocos serão levados para o estaleiro BrasFels pelo terminal portuário da Nuclep, em Angra dos Reis (RJ), onde serão montados definitivamente.A P-51 vai operar no campo de Marlim, na Bacia de Campos, e terá capacidade para a produção de 180 mil barris. Juntamente com a P-52, a P-51 esteve entre as primeiras a serem licitadas no governo Lula, já com a exigência de conteúdo nacional mínimo. A P-51 será uma das plataformas responsáveis pelo crescimento da produção da estatal que deve atingir no próximo ano sua manutenção. Além da P-51, estão previstas para entrar em operação até 2008 11 novos sistemas de produção, que devem elevar o volume produzido pela estatal a 2,3 milhões de barris por dia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.