Lula defenderá mais investimentos amanhã em discurso

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva fará um pronunciamento à Nação, amanhã, para defender o aumento dos investimentos no Brasil. Na mensagem de fim de ano de 2008, Lula defendeu, em meio ao agravamento da crise financeira internacional, que os consumidores fossem cautelosos nas suas dívidas, mas que não deixassem de consumir.

BEATRIZ ABREU E VERA ROSA, Agencia Estado

21 de dezembro de 2009 | 16h54

 

"Vocês estão lembrados que no dia 22 de dezembro (do ano passado) eu fui para a TV pedir para o povo consumir. Este ano eu fiz um pronunciamento que vai ao ar na terça-feira, mostrando ao povo que agora é hora do investimento", disse Lula, durante conversa com jornalistas hoje pela manhã.

No pronunciamento, segundo Lula, o presidente fará um balanço da economia e mostrará o que o governo está fazendo para "garantir que 2010 seja um ano melhor do que foi 2009, 2008, 2007, e trabalhar".

 

"O ano que vem eu tenho muito mais trabalho do que eu tive este ano e certamente quem vier depois de mim vai ter de trabalhar muito mais, porque o Brasil, depois de mais de 20 anos de paralisia, redescobriu o gosto de trabalhar, de ter obras públicas e investimentos", disse.

Tudo o que sabemos sobre:
investimentosLuladiscurso

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.