Lula diz que acordo com FMI não sai antes de dezembro

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse hoje que um novo acordo com o FMI não sairá antes de dezembro. Segundo informações da Radiobrás, Lula, que está em viagem oficial a Moçambique, ficou sabendo da divulgação das negociações para o empréstimo pelo secretário de imprensa, Ricardo Kotscho. "Se tiver acordo será apenas em dezembro, não é agora. Até porque eu preciso chegar ao Brasil para ver quais são as propostas técnicas. Não é possível ter um acordo com o presidente da República estando em Moçambique?, afirmou.Lula afirmou que, no momento, o que está sendo feito é a preparação de pontos de interesse do País para a conversação com os representantes do FMI, que terá início hoje. ?Liquei para o (ministro da Fazenda, Antonio) Palocci e ele me explicou que a equipe técnica preparou pontos de conversação para apresentar aos representantes do FMI?.A vice-diretora gerente do FMI, Anne Krueger, está no Ministério da Fazenda em reunião com Palocci. Krueger está acompanhada pelo diretor do Hemisfério Ocidental, Anoop Singh. Também devem participar da reunião o representante do Brasil no FMI, Murilo Portugal, o chefe da missão técnica do Fundo, Jorge Marquez-Ruarte, além do secretário do Tesouro, Joaquim Levy, e o presidente do Banco Central, Henrique Meirelles.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.